Contact Us

Use the form on the right to contact us.

You can edit the text in this area, and change where the contact form on the right submits to, by entering edit mode using the modes on the bottom right. 

Rua Monsenhor Manuel Marinho
Porto, Porto, 4150
Portugal

Blog nas ondas do hip hop e da música eletrónica de qualidade. Em Português.

Content

Daily Posts about Underground Instrumental Hip Hop, Contemporary Jazz, R&B, Lo Fi & Electronic music

#1

Francisco Espregueira

Gladys Knight & The Pips - On & On (prod. by Curtis Mayfield)

Quando era mais novo pensava que sótão era uma junção das palavras sozinho e tanto, mas, apesar de nunca me ter dado ao trabalho de estudar a merda da etimologia da palavra, continuo a achar que faz algum sentido.

Uma noite em que eu estava a desenvolver esse magnânimo esforço que é estudar, pus me a vasculhar o armário do sótão à procura de alguma coisa de interessante que me roubasse a atenção que certas cadeiras de Direito talvez merecessem.

Acabo por encontrar o leitor de vinis do meus avós, e escondido atrás dele duas montanhas completamente desordenadas de LP's e Singles. Lá o leitor de vinis não tinha ar de que se iria ligar sequer, e as colunas, encaixilhadas em madeira, não tinham ar de recicláveis. Mas entre estudar e tentar pôr aquilo a funcionar tomei, em consciência, a opção óbvia. A primeira música que meti, escolhi-a por causa da capa. Era um best of da Gladys Knight & the Pips com uma daquelas capas muito à anos 70... puxou-me a curiosidade e à sorte lá, com cuidado, coloquei o lado B do vinil. Depressa acendi alguns cigarros enquanto abanava a cabeça ritmadamente ao som daquelas velhadas que fazem muito o meu estilo e fui curtindo, ali... sozinho madrugada fora. Percebi que era aquilo que queria fazer todas as noites antes de me ir deitar. Ponho o volume baixinho e fumo um cigarro.

Hoje crio este blog, com o objectivo de mostrar a quem passar por aqui a música que ecoa desse sótão, a música que me faz mover. Não quero meter aqui grandes análises, e retrospectivas, e historinhas sobre esses artistas. Quero apresentá-los e convidar-vos a carregar play (é só clicar na imagem). Se gostarem passem aí outra vez, espero ter sempre novas coisas para vos mostrar.

Francisco Espregueira